Blog Medicina Felina

Exibindo as entradas com a tag$ s

Alergia X Gatos.

Por Leila Sena
Leila Sena
Sou médica veterinária, atuo em Brasília, e a minha paixão e especialidade são o
Usuário está desligado
Sábado, 15 Setembro 2012 "Categoria 0 Comentários

Quem não conhece alguém que só de entrar em uma casa com gatos, começa a espirrar, ou a coçar o nariz e que adoraria ter um gato, porém, a alergia é demais.

Tá aí um textinho sobre porque isso acontece e o que causa essa alergia ao felino. Além de algumas curiosidades, como possíveis raças "hipoalergênicas" e  uma empresa que diz produzir gatos que não causam alergia, mas será que é isso mesmo? Vá ler que eu não vou te contar.

Esse não é um texto meu, foi traduzido do blog do EXCLUSIVELY CATS VETERINARY HOSPITAL.  É um entrevista com o fundador do hospital e o assunto é a alergia que os gatos causam.

Coloquei o que achei mais interessante, mas quem quiser ler o texto original e na íntegra  é só clicar: http://exclusivelycats.blogspot.com.br/2012/09/can-i-buy-hypoallergenic-cat.html

 

Gatos x Alergias

Existe alguma raça que não cause alergia?

Infelizmente, não.

O principal causador de alergia desencadeada por gatos em humanos, é o alérgeno Fel d 1. Originalmente, ele foi identificado como um alérgeno  de origem salivar. E como o gato costuma se lamber, a pele apresenta grandes quantidades deste alérgeno.

O interessante dessa alergia , é que ela pode se manifestar em algumas pessoas dependendo do gato em que estão em contato, isto é, algumas pessoas moram com um ou mais gatos e nunca tiveram alergia, porém, ao entrar em um ambiente com um gato diferente do que está acostumado, pode manifestar a reação alérgica. Estudos demonstraram que gatos com pelo escuro são mais alergênicos, isto é, causam mais alergia que gatos de pele clara. Gatas prenhas, amamentando ou machos não castrados são mais alergênicos do que gatos castrados.

Outro dado interessante é que crianças que cresceram com gatos, tendem a sofrer menos de processos alérgicos ligados a animais.

Mas o que é o Fel d 1?

Inicialmente suspeitava-se que o pelo do gato causava alergia, no entanto, com a realização de diversos estudos sobre o assunto, chegou-se a conclusão que na verdade a alergia era causada por uma proteína presente na saliva, e que era depositada na pele e pelo, devido ao fato do gato se lamber. Com a deposição de pelos e pele no ambiente, pessoas alérgicas apresentam sinais, muitas vezes, estando somente no ambiente em que o gato reside, sem entrar em contato direto com o gato.

Essa proteína é considerada o principal alérgeno atuante nas alergias desencadeadas por felinos.

Recentemente, foi descoberto que, no mínimo, 8 diferentes proteínas  produzidas pelo gato podem causar sintomas ligados a um quadro alérgico, e que estas proteínas não estão ligadas à saliva.  O principal alérgeno (Fel d 1) é encontrado em diferentes formas (pleomórfico) e sítios no gato.

E quais são os alérgenos presentes nos felinos?

Fel d 1  - uma proteína, encontrada tanto na saliva  quanto em outros locais, como na glândula sebácea, na urina do gato macho e na glândula perianal. Envolvida em 90% dos casos alérgicos.

Fel d 2 – proteína albumina. Envolvida em 20 a 35% dos casos.

Fel d 3 – proteína cistatina. Envolvida em 10% dos casos.

Fel d 4 – proteína lipocalina. É também uma proteína urinária muito associada aos casos de alergia envolvendo o contato com os gatos.  Envolvida em 60% dos casos.

Fel d 5 – é um oligossacarídeo galactose-alfa-1,3-galactose  (carboidrato) , presente em IgA (secretada na saliva)

Fel d 6w – Imunoglobulina M

Fel d 7 – proteína da glândula de von Ebner. Apresenta semelhanças ao alérgeno Can f 1, presente nos cães (principal alérgeno canino).

Fel d 8 – proteína presente na glândula submandibular. Apresenta semelhanças com a Equ c 5, presente nos equídeos.

Aproximadamente 25% das pessoas alérgicas a cavalos, reagem também ao Fel d 4. Essa alteração está ligada a uma reação cruzada.

Sabe-se que alguns gatos e algumas raças apresentam menos alérgeno Fel d 1, que outros.

O que fazer se eu, gateiro (a) assumido (a) descobrir que tenho alergia a gatos?

Gatos costumam causar mais alergia que cães, devido ao fato de que as células mortas da pele e o próprio pelo costumam transitar mais facilmente pelos ambientes, devido sua leveza.

Você pode pedir a alguém não alérgico que escove o gato diariamente, e em seguida lave a escova, para minimizar a chance dessas células se difundirem pelo ambiente. Pode-se ainda passar uma toalha levemente úmida no gato, com o intuito de diminuir a eliminação de pelos e células da pele pelo ambiente. Pode-se usar um aspirador de pó, no entanto, aspiradores de pó comuns sem a limpeza adequada e sem um filtro chamado HEPA, podem, ao invés de ajudar, espalhar ainda mais esses alérgenos pelo ambiente. Portanto, dê preferência à aspiradores com filtros HEPA.

Você deve procurar ainda um alergologista, ele lhe auxiliará em determinar  as causas da alergia, além de tratar com a medicação adequada suas reações alérgicas. Algumas pessoas apresentam um quadro alérgico mais complexo, incluindo não somente a “alergia aos gatos”, mas também a alergia à outros alérgenos.  E dependendo do caso, com o tratamento adequado, estabilizando essas outras alergias, você pode também apresentar maior tolerância e melhora no quadro alérgico ligado ao seu gato.

Engana-se quem  acha que gatinhos causam menos alergia do que gatos adultos. Segundo o médico James Seltzer (ligado ao Colégio Americano de Alergia, Asma e Imunologia), os gatinhos podem gerar maior alergia que gatos adultos, devido ao seu rápido metabolismo, crescimento e troca de pelo.

No entanto, outros sugerem que gatinhos causam menos alergia devido ao fato de que algumas proteínas (alérgenos) são ligadas aos ferormônios e à maturidade sexual. Dessa forma, está aí outro importante motivo para castrar seu gatinho, assim você mantem o nível de alérgenos, associados a gatos não castrados,  baixo.


Mas eu já ouvi falar de gatos que não causam alergia!!

Sim, inclusive existe uma empresa norte americana chamada Allerca (http://www.allerca.com), criada em 2004, que produz cães e gatos sem as principais proteínas causadoras de alergia em humanos (Can f 1 dos cães, e a Fel d 1 dos gatos). Esses animais são chamados de cães e gatos hipoalergênicos. Os preços para gatos variam de, aproximadamente U$ 6.000,00  a U$ 27.000,00. No entanto, em 2010, a produção desses animais foi interrompida, devido a suspeita de que muitos dos animais vendidos por um alto custo, continuavam a gerar reações alérgicas em seus donos.

Alguns estudos sugeriram que mesmo esses gatos  poderiam gerar iguais sintomas alérgicos, ligados a um gato comum.

A causa dessa alergia gerada pelos ditos animais hipoalergênicos, estaria ligada ao fato de que existem  outros tipos de alérgenos  presentes nesses animais, já que os mesmos foram criados não apresentando, somente, o Fel d 1.

Mas não existem raças que causam menos alergias?

Algumas pessoas costumam difundir que gatos Siberianos causam menos alergias que os outros, no entanto, segundo Martin Chapman, presidente da Indoor Biotechnologies, uma empresa que produz kits utilizados mundialmente em estudos ligados a alergia e seus alérgenos, diz que, essa informação não apresenta validação científica.

No entanto, criadores da raça costumam fazer tal afirmação devido a uma informação repassada sobre dois gatos siberianos que apresentavam uma menor quantidade de Fel d 1 quando comparados a outros dois gatos não siberianos. No entanto tal informação é muito criticada, pois foram utilizados somente 4 gatos, e quem forneceu as amostras foi um criador da raça Siberiana e, também, porque um dos gatos testados, não siberiano, apresentou uma quantidade absurda de alérgeno nunca antes detectada em qualquer outro gato  testado em todo o mundo( 60 vezes maior que o nível máximo detectado).

Contudo, o fato é que diversas pessoas relatam serem menos “atacadas” pela crise alérgica quando estão com um gato Siberiano.

Um estudo, coordenado por criadores da raça, contando com 300 gatos da raça siberiana,  onde foi obtido amostras de saliva e pelo, indicou que  todos os gatos apresentam algum nível de Fel d 1, sendo que os de coloração Silver, também apresentavam maior nível do alérgeno, 50% desses gatos apresentavam níveis menores de Fel d 1 quando comparados a gatos de outras raças, e 20% apresentou níveis baixíssimos de Fel d 1. Machos e fêmeas apresentaram níveis de alérgenos similares.

Outras raças consideradas muitas vezes hipoalergênicas (lembrando que não há estudo científico que determine isso) são: Balinês, Bengal, Burmês, Colorpoint Shorthair, Cornish Rex, Devon Rex, Javanês,Ocicat, Oriental Shorthair, Russian Blue, Siamês, Sphynx .

Algumas dessas raças apresentam menos pelos, ou em alguns casos não apresentam pelo, o que diminui a superfície onde o alérgeno pode se aderir. Outras apresentam menor nível de proteínas Fel d 1, como o Siberiano. Contudo não existe nenhuma garantia quanto à essas raças não gerarem uma reação alérgica.


Texto original e completo: http://exclusivelycats.blogspot.com.br/2012/09/can-i-buy-hypoallergenic-cat.html

 

Tags: gatos e alergia, alergia a gato.
Leia Mais
Acessos: 4643